Luiz Fernando esteve na sede da Ecovias para apresentar demandas de diversos moradores de Cubatão. Recebido pelo diretor superintendente, Rui Klein, tratou sobre os casos da Vila Noel, Cota 95, Jardim Caraguatá, entre outros.

Ao lado da Maria das Graças da Silva, importante liderança da Vila Noel, falou de sua preocupação com as famílias que, estavam esquecidas e ilhadas sem qualquer estrutura, e que tinham o compromisso de serem tiradas daquela localidade, conforme protocolo de intenções assinado pela CDHU, Prefeitura de Cubatão e Ecovias, quando da realização da obra do Anel Viário de Cubatão. No local em que se situa a Vila Noel, além de isolado e sem acesso, sem escola, atendimento médico, creche e qualquer presença do estado, as famílias convivem, ainda, com a violência e sofrem com enchentes e acidentes.

Após ouvir os relatos, o superintendente da empresa admitiu que foi partícipe do protocolo de intenções que visava construir e acomodar as 177 famílias cadastradas à época e, porém que por uma série de entraves, o processo não andou, assumindo o compromisso de retomar o assunto.

Luiz Fernando procurará ainda, para tratar do assunto, a CDHU e a Prefeitura da cidade.

“No encontro, ainda retomei uma discussão feita anteriormente junto a Ecovias, e pedi apoio para atendimento das reivindicações. Falei da necessidade de dar mais atenção à Cota 95 e repor a iluminação dos jardins Casqueiro e Caraguatá e das vilas Nova, São José e Natal. Saí da reunião confiante, pois a Ecovias garantiu que vai buscar soluções para as demandas apresentadas.” disse o deputado